Do Alpendre, Grupo de Teatro

No próximo dia 19 de setembro, pelas 21h30, no Auditório do Ramo Grande, o Alpendre, Grupo de Teatro apresentará a peça “A Solidão da Casa do Regalo”, inspirado num texto de Álamo de Oliveira.

A peça que será levada à cena trata parte da história do exílio de D. Afonso VI em Angra do Heroísmo, narrando-se as desolações, ambiguidades e os conflitos sentimentais do monarca. Com 33 anos, mas já coxo, doente e envelhecido, D. Afonso VI (interpretado pelo ator Belarmino Ramos) partilha os dias e as noites com a solidão e com o seu Pajem (interpretado por Markus Trovão). O monarca vive sobre o arame da loucura e do pânico, sem conseguir distinguir a luz da sombra ou mesmo da escuridão. Vive sob uma hesitação entre ser criança e adulto, entre ser virtuoso e perverso, entre estar louco ou lúcido.

O Pajem assume um papel importante na vida de D. Afonso VI, surgindo como o seu espelho mais próximo, assim como o seu bordão. É no seu fiel servo que D. Afonso VI se arrima sempre que chega ao cume da loucura. É o que lhe resta de afeto e de capacidade para conviver e exorcizar os seus fantasmas. Por isso, chega a perder-se a fronteira que separa a lucidez de um, da loucura do outro.

Os bilhetes para a peça de teatro terão um custo de cinco euros e estarão disponíveis, brevemente, para aquisição nos sítios habituais (bilheteira da Academia de Juventude e das Artes da Ilha Terceira – durante os dias úteis, no horário das 09h00 às 17h00 – e na plataforma Ticketline).

No dia do espetáculo, a bilheteira do Auditório do Ramo Grande abre duas horas antes do início do espetáculo.

No âmbito das recomendações de segurança e saúde pública emitidas pela Autoridade Regional de Saúde, o Auditório do Ramo Grande terá uma lotação reduzida, sendo obrigatória a utilização de máscara na entrada, durante o espetáculo e até à saída.

Praia da Vitória

Ilha Terceira

Notícias Regionais

Economia

Praia Links

Outras Notícias

Mundo

Sociedade

Saúde

Desporto

Música

Podcast